BLOG

Dor no joelho

 

Problema comum que pode se originar em qualquer uma das estruturas ósseas comprometendo a articulação (fêmur, tíbia, fíbula), a patela (rótula), os ligamentos, meniscos e cartilagem.

Pode afetar pessoas de todas as idades e provocar alguma restrição física.

Pode ter várias causas e se apresentar localizada ou difusa pela articulação

Um exame físico completo irá estabelecer o diagnóstico de dor no joelho.

O tratamento depende da causa subjacente e na maioria dos casos resume-se ao tratamento conservador. Cirurgias podem ser necessárias, más são exceção.

O prognóstico da dor no joelho é geralmente boa e vai depender do tipo de tratamento e evolução do quadro

Principais sinais e sintomas:

Inchaço: para que o joelho inche, alguma alteração articular deve ocorrer, por isso, se seu joelho incha ou está inchado, procure um especialista. Todas as lesões intrarticulares podem causar inchaço.

Falseios: sensação de que o joelho sai do lugar. São relacionados com as lesões de ligamentos, meniscos ou quando a patela costuma sai do lugar

Estalidos: sintoma muito freqüente no joelho. A articulação do joelho funciona parecido como uma dobradiça de uma porta, podendo estalar. Na grande maioria das vezes, o estalo não é problema, no entanto, se acompanhado de dor e inchaço, uma avaliação deve ser feita para um diagnóstico.

Bloqueios – travamento: algumas lesões de menisco, de ligamento cruzado anterior e de cartilagem põem causar o bloqueio da flexo – extensão do joelho.

Observações

Agudos: principalmente dor e inchaço com dificuldade de flexionar e extender o joelho. Se o inchaço ocorre imediatamente, pode sugerir uma ruptura do ligamento ou fratura. Se o inchaço surge ao longo de um período de várias horas, lesões do menisco ou da cartilagem pode ser a causa. No entanto, lesões no joelho pode envolver mais de uma estrutura e os sintomas podem não apresentar claramente.

Crônicos: o inchaço pode ser intermitente, provocado pela atividade física ou esforços do dia dia. Dor para atividades do dia dia, como subir e descer escadas, agachar e realizar esforços com impacto.

 

Tipos de lesão

Agudas: aquelas que ocorrem subitamente como nas contusões e entorses

Crônicas: vão ocorrendo ao longo do tempo, como o desgaste da cartilagem ( artrose) e tendinites

 

Causas de dor:

Contusão: são os traumas diretos na articulação, por exemplo durante uma partida de futebol.

Entorses:

– Lesão de ligamentos: quando ocorre estiramento do ligamento, podendo romper o mesmo. São classificados em grau I ( estiramento sem lesão das fibras do ligamento); grau II ( quando ocorre lesão parcial das fibras do ligamento); grau III ( quando todas as fibras do ligamento se rompem)

– Lesão de cartilagem e menisco: conforme a direção da força de torção, podem ocorrer sobrecargas nos meniscos e cartilagem, levando as lesões geralmente por compressão.

Lesões dos músculos e tendões: são causados ​​por hiperflexão ou hiperextensão súbita do joelho ou por esforços repetitivos. São classificadas em grau I ( estiramento sem lesão das fibras do músculo); grau II ( quando ocorre lesão parcial das fibras do músculo); grau III ( quando todas as fibras do músculo se rompem). As tendinites são freqüentes e geralmente relacionadas ao despreparo muscular, juntamente com a sobrecarga repetitiva.

Bursites: ocorrem devido a traumas diretos ou uso crônico. É a inflamação dessa estrutura que reveste a parte anterior da patela e os tendões da parte interna do joelho.

Como o joelho trabalha em uma forma conjunta entre suas estruturas, uma lesão localizada pode repercutir no joelho como um todo e ainda levar a lesões de outras estruturas articulares.

 

Quando você deve procurar o especialista?

Inchaço agudo ou crônico no joelho

Incapacidade de suportar peso

Dor insuportável e limitante para o dia dia

Estalos associados a dor

Sensação de bloqueio (travamento)

Falseios no joelho ( você tem a sensação de que o joelho sai do lugar)

Diminuição da mobilidade do joelho ( dificuldade de flexão e extensão)

Alguma deformidade óssea aguda aparece após algum trauma.

 

mais posts

MANUAL DO CORREDOR: FASCIÍTE PLANTAR

Publicado em 11.03.2015
Categorias: Manual do corredor, Medicina Esportiva, Ortopedia, Tratamento
É a principal causa de dor no calcanhar do atleta de corrida. Ao contrário do que se imaginava, o processo local não é inflamatório e sim degenerativo (desgaste)…

NO PAIN, NO GAIN? Dor nos esportes, fique atento

Publicado em 02.10.2013
Categorias: Medicina Esportiva, Ortopedia
A dor é um fenômeno fisiológico de extrema importância para a manutenção da integridade dos órgãos e tecidos. É definida como “uma experiência sensorial e emocional desagradável associada…

Suspensões médicas UFC 163

Publicado em 07.08.2013
Categorias: MMA, Ortopedia
Comissão Atlética Brasileira de MMA (CABMMA) informa as suspensões médicas do UFC 163, disputado no Rio de Janeiro, no último sábado, 3 de agosto de 2013. Saiba quem fica…

O NOVO SUSTO DO SPIDER

Publicado em 04.11.2014
Categorias: MMA, Ortopedia, Tratamento
  Anderson Silva passou por um grande susto no fim da manhã de segunda-feira. Após um treino de jiu-jítsu na academia XGym, no Rio de Janeiro, o lutador sentiu…

Instagram