BLOG

Dedé Pederneiras fala do treinamento de José Aldo

Interessante saber que durante o treinamento preparatório para uma luta de MMA, normalmente, o lutador disputa um round a mais do que o determinado na luta oficial. Por exemplo, se a disputa estiver programada para 3 rounds, a rotina diária de treinos contabiliza 4 rounds, para que o condicionamento físico se aperfeiçoe ainda mais. Pelo menos tem sido assim para José Aldo, que defende o título neste sábado dia 3, no UFC Rio 4, marcado para a Arena da Barra, no Rio de Janeiro. Quem falou sobre a preparação foi o seu treinador, Dedé Pederneiras, em entrevista ao vivo no SportTV Tá na Área, na última terça-feira, que teve até depoimento do Anderson Silva falando a respeito do mestre Dedé, com quem já treinou em Curitiba.

“A luta pelo cinturão é em 5 rounds, por isso todo mundo que vai disputar o título treina 6 rounds durante cinco dias da semana e ainda passa pela preparação física no sábado”, revelou Pederneiras. Fora isso, para entrar no peso a alimentação começa  mudar pelo menos uma semana antes da luta, com o atleta passando a ingerir alimentos menos gordurosos a cada três horas, com a última refeição bem tarde da noite, incluindo líquidos. Sabe-se que José Aldo sofre um pouco pela dificuldade em perder peso, mas deve estar no ponto para defender o cinturão.

Quando perguntado sobre o risco de derrota e a quantas anda o psicológico de Aldo depois de ver a derrota de Anderson Silva, o treinador disse que “todo mundo que entra no ringue tem 50% de chances de vitória ou derrota”, mas considera seu atleta preparado para o nocaute ou finalização. “Aposto em José Aldo, mesmo estando ali do lado de fora”, afirmou.

A defesa do cinturão será diante de Chan Sung Jung, o Zumbi Coreano, escalado de última hora, após lesão de Anthony Pettis.

Troca de adversário
A notícia da semana foi a lesão no joelho do americano Anthony Pettis, durante treino no Rio de Janeiro, logo depois de participar de uma sessão de mídia para promover a luta com José Aldo. Pior do que isso, na última quarta-feira, 31 de agosto, o atleta também ficou sabendo que não poderá lutar no UFC 164, em sua cidade natal de Milwaukee. A notícia é do ESPN.com, divulgada pela assessoria médica do UFC em Las Vegas. O prazo para voltar aos treinos é de quatro a seis semanas.

Assista a participação de Dedé Pederneiras no Arena.

UFC 163 – Rio 4
3 de agosto
Arena da Barra, no Rio de Janeiro

Card principal

  • José Aldo x Chan Sung Jung – pelo cinturão peso-pena
  • Lyoto Machida x Phil Davis
  • Cezar Mutante x Thiago Marreta
  • John Lineker x José Maria ‘Sem Chance’

 Card preliminar

  • Vinny Magalhães x Anthony Perosh
  • Sheila Gaff x Amanda Nunes
  • Neil Magny x Serginho Moraes
  • Thales Leites x Tom Watson
  • Rani Yahya x Josh Clopton
  • Ian McCall x Iliarde Santos
  • Viscardi Andrade x Bristol Marunde
  • Francimar Bodão x Ednaldo Oliveira

mais posts

Exercícios físicos não inibem o crescimento

Publicado em 01.06.2014
Categorias: Medicina Esportiva
Interessantes as matérias da medicina que provocam polêmica. Não no sentido pejorativo da palavra, e sim, as que geram debates em diferentes linhas de pensamento. Isso provoca o…

Manual do Corredor: Síndrome da Banda Íleotibial

Publicado em 07.05.2016
Categorias: Cirurgia do Joelho, Manual do corredor
Dor no lado do joelho? Pode ser Síndrome da banda ileotibial, muito comum em corredores   Apesar de ser uma queixa muito comum no praticante de corrida, a…

Congresso de MMA será realizado em setembro

Publicado em 13.08.2013
Categorias: MMA
É o primeiro congresso do esporte realizado no Brasil, com o objetivo de reunir pessoas envolvidas com o MMA, dentre elas árbitros, atletas, médicos, mídia especializada, empresários e…

Associação Brasileira de Médicos de Esportes de Combate

Publicado em 28.10.2014
Categorias: Imprensa, Medicina Esportiva, MMA, Ortopedia
Dr Rickson Moraes, Dr Flávio Cruz, Dr Flávio Tannure, Dr Márcio Tannure, Dr Daniel Carvalho, Dr Fábio Costa: Comitê médico CABMMA e Associação Brasileira de Médicos de Combate…